Recife: viagem completa que você precisa fazer na capital de Pernambuco

Posted on

Recife possui raízes históricas, praias, e diversas atrações culturais, que atraem milhares de turistas anualmente. Se você é daqueles que gosta de um ambiente agitado, mas que também possui locais tranquilos, esse deve ser o seu próximo destino.

A capital de Pernambuco tem tanto importância histórica como econômica no Brasil. O local é o espaço urbano mais rico do país, e produz boa parte do PIB brasileiro. Esses fatores colocam a cidade como uma das mais vantajosas para se fazer um ótimo turismo de experiências, já que Recife possui ampla estrutura.

Conheça agora tudo sobre uma das melhores cidades turísticas do Nordeste!

Porque ir ao Recife

Em Recife você escolhe ir à praia ou fazer um passeio a pé pela cidade. Uma vez que a cidade conta com algumas das mais belas praias do Brasil, e também um incrível centro histórico.

Recife foi colonizada por holandeses, e passou por muitas revoluções durante toda a sua história. Esses fatos marcaram na cidade, lugares que datam épocas que o Brasil viveu.

Igrejas como a Concatedral de São Pedro dos Clérigos, e a Igreja da Madre de Deus, são referências de templos no Brasil, dos anos 1700. Além das catedrais, o Pátio do Marco Zero, e o Recife Antigo — esse mais conhecido como centro velho da cidade — revelam ótimos cenários para passeios e descobertas.

Além de abrigar esses pontos da história cristã no Brasil, Recife sedia a primeira sinagoga — templo judaico — construída em todo o continente americano. A Kahau Zur Israel serve hoje como o Centro Judaico de Pernambuco, e é ponto alto do turismo local.

Fora esses roteiros tradicionais, Recife convida você a conhecer a Praia de Boa Viagem e seu calçadão, com muito sol e águas agitadas.

Passeios pelos centros culturais da cidade também são ótimas propostas para quem vai ao local. O Museu Cais do Sertão, e os Memoriais Chico Science e Luiz Gonzaga também têm muito entretenimento.

Para comer e degustar pratos típicos da região há diversas escolhas. O Mercado São José concentra boxes que vendem alimentos, e também bares e lanchonetes que servem refeições populares e bem saborosas. Além do local, quiosques e restaurantes espalhados pelas praias e região fazem qualquer turista se satisfazer com a culinária recifense.

Com muitas atrações, facilidade de chegar aos lugares, e boas opções de hospedagens. Recife proporciona muito lazer e diversão.

Quando ir

Sem dúvidas que praia combina muito com verão, mas para aproveitar o melhor do Recife não é preciso seguir essa regra.

Se você gosta de muito calor, vá de dezembro a janeiro; já se gosta de um clima menos quente, opte por meses como maio, agosto, e setembro.

Os meses de junho e julho são propensos às chuvas na capital, e em fevereiro o Carnaval lota a cidade de turistas e moradores em busca de folia.

Programe-se para curtir a cidade de acordo como o que você mais gosta de fazer, desde que o clima não atrapalhe sua experiência!

O que levar

  • Protetor solar
  • Água
  • Mochila
  • Chinelo
  • Tênis para caminhada
  • Roupas leves para verão
  • Boné ou chapéu
  • Óculos de sol

O que fazer

Praia de Boa Viagem

O cartão postal do Recife deve ser um dos seus primeiros pontos de curtição na cidade.

No bairro de mesmo nome, a Praia de Boa Viagem é famosa por reunir todo o tipo de gente em busca de um banho de mar e sol em Pernambuco. O local tem muitos quiosques e restaurantes para servir petiscos, bebidas e outros pratos.

Veja com atenção as placas de aviso sobre ataques de tubarões, que são recorrentes nesse roteiro.

Praça Rio Branco

No bairro do Recife, fica o ponto mais conhecido como Praça do Marco Zero, já que o monumento fica no meio do espaço.

Mas muito além de abrigar o símbolo da fundação da cidade, a Praça Rio Branco oferece uma boa vista do mar e prédios ao seu redor. Ainda na praça, o mercado de artesanato também é uma boa atração para conhecer no lugar.

Museu Cais do Sertão

Para conhecer a cultura de todos os povos que se instalaram em Pernambuco, você deve ir a esse museu.

O Museu Cais do Sertão mostra por meio de acervos físicos, e também em recursos multimídia, a história de africanos, holandeses, e outros povos. Fora essas informações ricas, o museu dedica parte de sua estrutura ao cantor, compositor e instrumentista Luiz Gonzaga.

Torre Malakoff

A Torre Malakoff foi feita para atender a Marinha local e servir como um observatório astronômico, mas nos anos 2000, foi transformada em centro cultural.

Subir ao terraço da torre e observar as cidades do Recife e Olinda vale a pena, tanto quanto curtir as atrações culturais do espaço. Exposições fotográficas, pinturas e outros tipos de artes são garantia de boas atrações no lugar.

Conheça também: 8 atrações imperdíveis em Porto de Galinhas

Oficina de Cerâmica Francisco Brennand

Fundada pelo artista plástico e ceramista Francisco Brennand, o espaço reúne obras em cerâmica que fazem qualquer turista arregalar os olhos.

A Oficina fica no mesmo espaço onde antes funcionava a fábrica de cerâmica do pai de Brennand. Além de apreciar as centenas de obras pelo espaço, há um parque anexo ao local, que esbanja beleza no projeto do paisagista Roberto Burle Marx.

Mercado São José

Os mais de 500 boxes que ocupam cerca de 3200 metros quadrados do mercado público mais antigo do Brasil são um roteiro espetacular.

A disposição de cores de frutas, legumes e outros alimentos, sugerem um passeio sensorial e divertido. O artesanato nordestino também se concentra no local como um dos destaques da casa.

Prepare o seu paladar, porque nesse espaço público, o que não faltam são opções salgas e doces para degustar.

Onde comer

Bargaço

O Bargaço é um dos pontos mais tradicionais do Recife para experimentar receitas de peixes, com bons acompanhamentos.

A moqueca de peixe, os pratos de lagosta com camarão, e toda a sorte de frutos do mar são servidas em panelas de barro muito quentes. Tudo para combinar com o clima nordestino e ambiente costeiro da região.

BeerDock

Escolha alguns entre os mais de 200 rótulos das cervejas artesanais que o BeerDock oferece. Além do vasto estoque, a casa também tem 15 chopes à disposição, e alguns desses são de fabricação própria.

O espaço é um dos melhores locais do Recife para tomar uma cerveja. Ambiente moderno e clima descontraído, além da diversidade de opções, são os pontos fortes do lugar.

Oficina do Sabor

A casa oferece uma infinidade de comidas típicas da região, todas preparadas com ingredientes do Estado.

O camarão na moranga, mais conhecido como camarões no jerimum, é o carro-chefe do lugar. Além dessa delícia, cordeiro assado, baião de dois, charque ao molho de coco, e outras receitas apetitosas são reconhecidas por servirem bem duas pessoas.

Como chegar

O Aeroporto Internacional do Recife recebe voos de qualquer parte do Brasil e fica bem próximo da Praia de Boa Viagem.

Se o seu intuito é ir de ônibus, sugerimos uma visita ao site ClickBus, para ver qual companhia faz o trajeto a partir de sua cidade.  A Rodoviária do Recife fica no bairro Várzea, que é perto do centro da capital.

Onde ficar

Além dessas opções, dê uma olhada no Booking, Airbnb, Trivago e TripAdvisor, para ver mais ofertas de hospedagens.

Visite também o site da Prefeitura do Recife, e veja serviços e telefones úteis para turistas.

O site do Governo de Pernambuco também tem informações sobre a capital.

Recife oferece passeios mais tradicionais, mas que nem por isso passam longe de serem ótimas escolhas de diversão. Se você busca entender as raízes do Brasil, além de ver de perto lugares lindos e saborear pratos típicos, esse roteiro precisa ir para sua lista.

Depois de ter visto esse roteiro com os pontos mais visitados da cidade, já sabemos que você quer conhecer logo Recife. Compartilhe sua experiência no local, aqui com a gente!

Felipe Paciullo
Formado em jornalismo, é especializado em redação e produção de conteúdo para web, com foco em SEO. Suas áreas de escrita são principalmente ciclismo, gastronomia, vinhos, e saúde e bem-estar. No Experiências Brasil, somou esses conhecimentos e escreveu nas área de viagens e turismo – https://www.linkedin.com/in/felipe-paciullo/